CARTÃO DE VISITA PARA 2019

Tricolor

Cartão de visita Tricolor para a temporada 2019

 

Bem-vindos a 2019, amigos tricolores!

 

Um início com sabor amargo de derrota, mas precisamos ter em mente que esse é um período de adaptação, que demanda paciência. Estamos apenas num princípio de temporada, com peças novas que estão começando a se conhecer dentro das 4 linhas. Ademais, o nosso adversário foi um time que ocupa a 6ª posição do campeonato alemão, que está na Inter temporada e já entrosado.

 

O Tricolor iniciou a partida com um time mais maduro, contando com Volpi, Bruno Peres, Arboleda, Anderson Martins, Reinaldo, Jucilei, Hudson, Hernanes, Helinho, Pablo e Everton. Vimos algumas boas aproximações da meta do time alemão, mas nenhuma efetiva. Apesar de um desempenho satisfatório de maneira geral, um pênalti (duvidoso) foi cometido por Bruno Peres e devidamente convertido pelo Frankfurt.

 

Já no segundo tempo o São Paulo retornou com Jean, Igor Vinicius, Bruno Alves, Lucas Kal, Léo (Pelé), W. Farias, Araruna, Liziero, Nene, Diego Souza e Everton Felipe. Um time mais rápido, porém, um pouco mais vacilante. Mesmo assim, numa bonita troca de passes entre Liziero e Diego Souza, este último serviu Nenê, que balançou a rede do adversário. Contudo, em seguida, Igor Vinicius se atrapalhou com Jean na defesa e acabou ocasionando um gol contra um tanto bizarro.

 

Apesar do resultado, é possível ver que o Tricolor brigava por cada bola, não obstante a perna pesada oriunda das férias dos jogadores. Longe de querer desmerecer o time do Frankfurt, que demonstrou bastante qualidade técnica no decorrer dos 90 minutos, mas é preciso ressaltar que ambos os gols do oponente foram originados de falhas do próprio São Paulo.

 

Sim, o Tricolor contratou bem nessa janela, mas isso não é o suficiente. Os jogadores individualmente têm qualidade, o elenco no papel tem potencial, mas é imprescindível que ele funcione na prática! E o intuito de jogar a Florida Cup na pré-temporada é justamente aparar as arestas: corrigir defeitos, entrosar o time, eleger a melhor formação, etc. A palavra chave para nós torcedores no momento é “paciência”. Precisamos guardar fôlego para o calendário exaustivo de competições que temos pela frente.

 

A Florida Cup está bem longe de definir toda uma temporada. Afinal, se assim fosse, em 2017 quando levantamos a taça nessa mesma competição não deveríamos ter feito uma campanha para escapar do rebaixamento no Campeonato Brasileiro no mesmo ano.

 

2019 está só começando e o São Paulo tem muito chão pela frente, mas já tem boa parte do caminho andado com as contratações pontuais de relevância que fez. Ainda há posições que necessitam de um olhar mais cuidadoso, mas a janela ainda não fechou e, ao que parece, Raí aprendeu a trabalhar no silêncio e surpreender torcida e mídia. Estamos retomando aos poucos o caminho de vitórias. Paciência e fé, nação tricolor!

 

Ana Paula F. Ferreira Dias

 

Siga no twitter: @Dias_Aninha