CUCA, O NOVO ELEITO

Destaque

Cuca, o Novo Eleito

 

Torcedor Tricolor on the Rock

 

Em meio ao maior vexame de sua história, finalmente o São Paulo definiu o seu novo técnico e o eleito é Cuca, um dos melhores técnicos do Brasil na atualidade e que eu defendia o seu retorno desde que encerrou o seu vínculo na China no fim de 2015, o grande problema é que devido a uma cirurgia cardíaca, só estará disponível para trabalhar daqui a dois meses, obedecendo a recomendações médicas.

 

O grande problema é que o São Paulo iniciou esta temporada sem qualquer planejamento técnico e tático, o reflexo disso é que iniciamos a preparação para a pré-Libertadores sem ter uma cara de time definido, não marcando um gol nas duas decisões e com jogadores muito abaixo de suas condições físicas e técnicas.

 

Então com quase dois meses de atraso, o confuso São Paulo inicia sua missão de se preparar para a temporada, desta vez capitaneado, enquanto Cuca não chega, por Vagner Mancini; atual coordenador técnico e apesar de ter uma experiência razoável como treinador, uma contratação bastante discutível para atuar no vestiário, já que o elenco encontra-se rachado.

 

Cuca é um ótimo montador de times, irá com certeza promover uma reformulação no atual elenco e é imprescindível se o São Paulo quer retomar o seu protagonismo, que pare de investir em apostas. O clube não pode se entregar a empresários e sim a querer jogadores que resolvam. Apesar da chegada de Cuca é evidente que o ano tricolor continua em cheque, graças a diretoria que toma decisões pressionada por conselheiros e não por suas convicções. Apesar disso, alguns jornalistas já dizem que Cuca, apesar de só treinar o time daqui a dois meses, colocará já a mão na massa de forma interna na preparação do elenco tricolor.

 

Não espero sinceramente que o São Paulo vá disputar títulos, creio sim que ao menos em uma nova chegada a Libertadores 2020, o que aliás será um alento ao torcedor tricolor que vê o seu time o maltratar tanto. Creio também que ao menos com Cuca, o São Paulo vai ter um futebol melhor e mais bem jogado, não um arremedo de time que tinha sob o comando de André Jardine.

 

Além do problema de técnico que parece que vai ser equacionado, o São Paulo precisa de um novo preparador de goleiros, já há quase três anos, o tricolor sofre com seus titulares da camisa um. No último clássico, aliás, em mais uma derrota, desta vez contra o Corinthians, Thiago Volpi falhou bisonhamente, há algo muito errado e precisa ser melhorado na preparação dos goleiros tricolores, para que não haja mais show de horrores como temos visto (de novo) no gol tricolor.

 

Além do problema tático, o São Paulo tem um problema de racha em seu elenco; com Nenê, Diego Souza, Reinaldo, que parecem mais distantes do elenco, resta a Cuca unir as peças bastante desconexas de seu time e com certeza negociar alguns jogadores que não entenderam o que é vestir a camisa pesada do tricolor. Cuca foi o responsável pelo começo da montagem de um dos times mais vencedores da história que Autuori e Muricy aprimoraram. Resta, de novo, pela quarta vez na era Rai e pela nona vez na era Leco, o São Paulo recomeçar uma linha de trabalho com um novo treinador. Acredito muito na competência de Cuca, não na incompetência de Leco e Raí e só ele, se tiver tempo é claro, pode colocar de novo o São Paulo na rota de um protagonismo que parece cada vez mais distante.

 

Grande abraço a todos!

Até a semana que vem!

 

Siga-me nas redes sociais

Twitter: @fernandocruz37

Instagram: fercione