E AGORA ROGÉRIO?

 

Saudações Nação Tricolor!

Semana começando pesada! Em 4 dias sofremos duas derrotas pesadas, que tornaram a missão de passar de fase na Copa do Brasil e chegar à final do Campeonato Paulista, missões Herculanas! Não digo impossíveis porque no futebol o impossível já aconteceu muitas vezes, e nada impede de o São Paulo acertar um ou até mesmo dois jogos excelentes e sair dessa situação difícil!

Desde quinta o que vem sendo comentado é a questão da queda de desempenho que o time do São Paulo teve no confronto contra o Cruzeiro e o mesmo discurso foi usado ontem após a derrota para o Corinthians.

Vamos ao ponto chave das discussões que eu presenciei em grupos de whatsapp e nas redes sócias, e também foi ponto de debate entre eu e meu grande amigo e parceiro de idas ao Morumbi, Bruno. Esse ponto chave é a não variação tática do time e a mudança de estilo de jogo após a derrota para o Palmeiras.

Rogério iniciou a temporada trazendo os conceitos de jogo aplicados por Osorio em sua passagem pelo São Paulo em 2015. Um time que usava a marcação alta, visando sempre roubar a bola o mais próximo do gol, e agredindo o adversário o tempo todo! O esquema de jogo escolhido, foi o famoso e mais utilizado no futebol mundial atualmente, o 4-3-3.

Na Florida Cup, o São Paulo sufocou River e Corinthians, só pecando na hora de fazer os gols, dois empates de 0x0 e vitória nos pênaltis em ambos os jogos, que culminaram no título.

Começa o Paulista, e logo na estreia o time é goleado pelo Audax, 4×2. Mesmo saindo atrás, foi um jogo em que o São Paulo não mudou o jeito de jogar mesmo após estar perdendo por 2×0. Foi buscar o empate e por pouco não virou o jogo ainda no primeiro tempo!

Logo após essa partida veio o jogo contra a Ponte Preta no Morumbi. O time saiu atrás no placar e no primeiro tempo mesmo virou o jogo e goleou! 5×2.

No terceiro jogo contra o Santos, foi a única vez que o São Paulo mudou o estilo de jogar nessa temporada, apostou em jogar no contra-ataque e conseguiu uma bela vitória dentro da Vila Belmiro!

O time continuou levando muitos gols, o que gerava críticas da imprensa e também da torcida!

Contra o Palmeiras, pela falta do Cueva que havia sido convocado para a seleção, Rogério apostou em uma escalação com 4 volantes, e até levar o primeiro gol, estava conseguindo segurar bem o ímpeto do adversário. Não foi uma tarde muito feliz do time e acabamos perdendo por 3×0.

Esse jogo foi o ponto aonde o time do SP parou de ser um time que agredia com a marcação alta. Hoje o time pressiona, mas deixa um espaço enorme entre a linha de ataque e a linha de meio campo.

Quanto a variação tática, o time só mudou o esquema em um jogo nessa temporada. Contra o Defensa y Justicia, Rogério entrou com o esquema 3-5-2, porem com uma escalação totalmente mista, não foi possível saber o real rendimento do time jogando nesse esquema.

Nas coletivas após essas duas últimas partidas, Rogério insistiu de que não vai mudar a forma do time jogar.

A questão a ser respondida nesse momento é: será que não esta na hora de Rogério rever alguns conceitos? Voltar a jogar no estilo de jogo que estava apresentando no inicio do ano? Mudar o esquema tático? Talvez testar o 3-5-2 com os melhores jogadores que tem a disposição?

Acredito que esta na hora sim de ele rever alguns pontos de seu trabalho, mas ao mesmo tempo entendo que ate esse momento o São Paulo não teve nenhuma semana livre de trabalho desde praticamente a Florida Cup.

Outro ponto importante a se destacar é a preparação física precária do time! O time do São Paulo morre no segundo tempo! Fora as lesões musculares que os jogadores vêm tendo uma atrás da outra!

E não concordo com a malhação que esta acontecendo nas redes sociais por parte da torcida para com ele!

Rogério teve 25 anos de carreira como atleta, uma carreira brilhante! Possui um conhecimento empírico enorme, pois jogou, conviveu, e fez parte de grupos vencedores e campeões e de grupos não tão bons, que fizeram a torcida sofrer! Tudo isso o credencia a ser um excelente treinador, mas isso só vai acontecer se ele tiver tempo para trabalhar e colocar as idéias que tem em pratica!

Acho que é momento de se ponderar muito bem a blindagem com as criticas! Não se pode deixar de questionar aonde o Rogério vem errando, mas também não se pode dizer que ele não presta e tem que ser mandado embora!

E agora Rogério? O que fazer para recuperar a confiança daqueles que estão descrentes do seu trabalho e do time? E o que fazer para justificar o apoio daqueles que não te deixaram e estarão com você ate o fim?

Você tem duas oportunidades essa semana, e a bola esta nos seus pés agora! Que você consiga demonstrar a mesma categoria que tinha quando colocava ela no ângulo das metas adversárias e fazia a torcida Tricolor vibrar em todos os lugares do mundo!

Apesar da dificuldade, espero voltar semana que vem comemorando pelo menos uma classificação com vocês!

Ate semana que vem!

Abraços!

Siga no twitter: @arielmartins25