CA Paulistano

Floresta

CAPaulistano

O São Paulo FC é dentre os grandes não apenas o primeiro, como diz o hino são-paulino, mas também o mais jovem. A grande saga tricolor, porém, começou quando o futebol ainda engatinhava no Brasil, com a fundação do clube mais vitorioso da era amadora do esporte: o Club Athlético Paulistano.

Tradicional e ainda em funcionamento na zona mais nobre da cidade, o CAP surgiu do desejo por um clube verdadeiramente brasileiro e que representasse a cidade de São Paulo por completo. Até então, o futebol era praticado somente por clubes de imigrantes, basicamente de ingleses ou alemães.

O Paulistano nasceu na Rotisserie Sportsman (Rua São Bento, nº 61), em 29 de dezembro de 1900. Pouco mais de um ano depois, em 1902, já era Vice Campeão do primeiro Campeonato Paulista da História. Ao todo, o Paulistano conquistou 11 Títulos Paulistas, sendo quatro consecutivos (1916-1919).

Grandes nomes jogaram pelo alvirrubro paulistano. Estrelas como Rubens Salles, Mário Andrada, Filó, Araken Patusca e, principalmente, Arthur Friedenreich. Boa parte deles jogaria futuramente no Tricolor Paulista.

O tempo passou e o futebol se modificou. O clube tinha fortes raízes amadoras e rejeitava o “profissionalismo marrom” de meados dos anos 20. Para o Paulistano, o jogador deveria vestir a camisa por paixão, por fidelidade, sendo sócio do clube. Ou seja, na prática, deveria pagar ao clube, e não o contrário.

Em 1926 o Paulistano encabeça a criação da LAF – Liga dos Amadores de Futebol. Não deu certo. A liga durou pouco, não podendo enfrentar o dinheiro que “corria por fora” na concorrência e, principalmente, a decisão da CBD de não reconhecê-la oficialmente.

Assim, em 8 de janeiro de 1930, o Club Athlético Paulistano – o maior clube de futebol de então – vê sua Liga ser oficialmente dissolvida em assembléia e abandona a modalidade.

Nem todos os dirigentes, sócios e jogadores concordaram com a decisão, e os descontentes foram em busca de uma solução junto a outro tradicional clube da capital, a Associação Athlética das Palmeiras.

Títulos do Club Athlético Paulistano:

Título de ‘Os Reis do Futebol’ em excursão à Europa: 1925.

Campeão da Taça dos Campeões: 1920.

Campeão da Taça Ioduran (Confronto de Campeões do RJ e SP): 1918.

Campeão Paulista: 1905, 1908, 1913, 1916, 1917, 1918, 1919, 1921, 1926, 1927 e 1929.

Fundador da Liga Paulista de Futebol, em 1902, da Associação Paulista de Esportes Atléticos, em 1913, e da Liga dos Amadores de Futebol, em 1926.

Fonte:
http://www.saopaulofc.net/spfcpedia/a-historia-do-spfc/floresta/