EDITORIAL: MAIS UMA CRISE… A CULPA É DE QUEM?

Destaque Tricolor

De quem é a culpa pela crise que vive o São Paulo? No  meu ponto de vista é simples de se entender…

 

Salve nação tricolor.

 

Eu poderia aderir ao discurso fácil de que a culpa pela crise que passa o São Paulo é de jogadores que “não tem condições de vestir a camisa do clube” como dizem alguns torcedores nas redes sociais… Nomes como Hudson, Reinaldo, Igor Vinícius, Anderson Martins; são os mais lembrados.

Mas eu seria incoerente, pois se eles não têm jogado bem; os jogadores que vieram para resolver como Pato, Hernanes, Vitor Bueno, Tchê Tchê, e Pablo (que nem jogado tem), tem jogado menos ainda, e eu aprovei todas essas contratações…

Eu poderia dizer como dizem esses torcedores que jogadores como Helinho, Toró, Igor Gomes não estão prontos; que Liziero é jogador de vidro e que Antony está com a cabeça na Europa.

Mas eu seria incoerente, pois defendi com veemência a utilização dos meninos de Cotia, vibrei com as atuações de Liziero, Antony, Luan e Igor Gomes na reta final do Paulista…

Eu poderia dizer que a culpa é do trabalho de Carlinhos Neves, afinal que preparação é essa? Meninos cansados, jogadores com lesões que não tem fim, Pato e Hernanes não conseguem se recuperar, Liziero se lesiona jogo sim jogo não.

Mas seria incoerente, pois Carlinhos Neves se não for o melhor, é um dos melhores em sua função e há quanto tempo a gente pedia sua volta?

Será que o culpado é o Cuca, tese já defendida por alguns desses “especialistas” virtuais? Bom desde 2012 quando o tricolor foi campeão pela última vez com Ney Franco passamos por: Milton Cruz, Paulo Autuori, Muricy Ramalho, Juan Carlos Osorio, Doriva, Edgardo Bauza, André Jardine, Ricardo Gomes, Pintado, Rogério Ceni, Dorival Júnior, Diego Aguirre e agora Cuca no seu terceiro mês de trabalho.

Nem é necessário muito esforço para mostrar que achar que nosso problema hoje é treinador seria tanto incoerente como estupidez…

Não, a culpa não é dos jogadores “que não podem vestir a camisa do São Paulo”, não é dos contratados que não estão rendendo, não é de Carlinhos Neves e sua preparação física e muito menos do esquema tático de Cuca (na lista de técnicos acima certamente tem um  nome que escalou o time como você acha certo).

Pois bem, assim chegamos ao culpado: D I R E T O R I A.

Sim, tenho que reconhecer alguns acertos da diretoria: A vinda de Cuca, utilizar os garotos da base, as ótimas contratações de Pato, Hernanes, Vitor Bueno, Volpi, Pablo, Tchê Tchê; e até algumas apostas que não tem dado certo, mas é assim mesmo, afinal são apostas.

Mas a diretoria errou e hoje estamos pagando por esse erro. Num momento de covardia, no dia 11 de novembro de 2018, demitiram Aguirre que havia feito o tricolor jogar como São Paulo depois de muito tempo. Veja como foi audacioso o uruguaio, nos fez sonhar com título e classificou o time para a libertadores… E não contente com demitir o ótimo Aguirre anunciaram como treinador André Jardine, um rapaz promissor é verdade, mas que não estava à altura do momento do São Paulo e isso não tinha o menor risco de dar certo.

Com aquele gesto covarde e oportunista, já que a maioria dos torcedores apoiaram a saída de Aguirre; a diretoria demitiu o uruguaio, acabou com seu legado e condenou nosso ano de 2019, pois além de efetivar um técnico despreparado, os gênios resolveram participar de uma Florida Cup, abrindo mão de uma pré-temporada digna de quem ia disputar uma pré-libertadores… E assim chegamos onde estamos.

Nossa diretoria é calculista, a oposição é assim como na política profissional adepta do quanto pior melhor, ambos querem o apoio da “massa”, não a torcida do São Paulo, mas sim a que existe nas redes sociais. Diretoria quer queimar jogador para vender, oposição quer queimar jogador para mostrar que a diretoria é incompetente, mas quem queima mesmo o jogador é o torcedor sempre manipulado, pela diretoria ou pela oposição e ambas contam com o apoio da imprensa que se delicia em ver o São Paulo nessa situação. A política está matando o São Paulo.

Um abraço a todos,

Guine

Siga no twitter: Guine_SPFC