PRECISAMOS FALAR DE NÓS MESMOS

 

Essa é uma daquelas crônicas que têm grande probabilidade de retornar muitas porradas, mas vamos lá: precisamos falar de nós mesmos.

Proponho a seguinte reflexão: e nós, torcedores, estamos sendo bons o suficiente para o São Paulo Futebol Clube?

Dentro do estádio a resposta sem dúvida é positiva: estamos! Fato comprovado pelas ótimas médias de públicos nos diversos campeonatos nos quais o Tricolor tem participado.

Se frequentamos o estádio sempre que possível, ou contribuímos como sócios torcedores, ou compramos produtos oficiais, ou privilegiamos mídias e profissionais que tratam o clube com seriedade e respeito, ou tudo isso conjuntamente ou não, também podemos dizer que estamos.

Mas e se olharmos a conduta da torcida em geral nas redes sociais? Aí, talvez a resposta seja negativa.

Quando nós, torcedores, damos repercussão a factoides que lembram mais programas vespertinos do que programas esportivos, quando geramos engajamento em postagens da parcela maldosa da mídia, aí não, não estamos sendo bons o suficiente, pois contribuímos para a disseminação de negativismo exacerbado, sem fundamento, que não corresponde à melhor proteção que poderíamos dar ao clube: ignorá-los!

Sem engajamento, podem ter certeza que a prática diminuirá, pois só o que lhes interessa é a contagem de respostas, curtidas e afins.

Talvez também não estejamos sendo bons o suficiente quando há exagerada euforia nas chegadas e saídas.

Jogadores mau são cogitados para chegar e já surgem os mil graus, os memes, os apelidos excessivamente engrandecedores, ainda que a chegada seja de algum jogador que não tenha ganho nada no futebol. E, quando porventura há insucesso, o desprezo na saída é exagerado na mesma medida.

Que tal, então, darmos tempo ao tempo, enaltecendo somente os raros craques que provam ser craques jogo a jogo e sobretudo os jogadores que efetivamente conquistem títulos para o clube!

Também é necessário elevarmos nosso padrão vibracional. Que tipo de energia injetamos nos comentários ao nosso amado clube brasileiro?

São reflexões necessárias. Há muitos querendo e esperando ansiosos a derrocada do São Paulo Futebol Clube.

Não podemos cair nas armadilhas e artimanhas voltadas para o enfraquecimento do Tricolor.

Melhor nos pautarmos pelas palavras de Lugano: “Sempre tentar ser parte da solução, nunca do problema. Sempre tentar unir, jamais dividir! Vamos em frente!”.

Vamos São Paulo!

 

Reprodução do blog: Jogo Pegado.
Confira a matéria original clicando aqui: