TRAUMA DE CLÁSSICOS!

Blog Tricolor

Torcedor Tricolor on The Rock

 

Mais uma derrota, a 22ª nos últimos quatro anos, nos clássicos fora de casa o time do Morumbi, um retrospecto horroroso e o time do Morumbi vira alvo de chacota do Corinthians, sendo que as brincadeiras aumentam cada vez mais: freguês, CPF na nota… Antes da partida, o patrocinador do time de Itaquera já fazia brincadeiras como se a derrota fosse líquida e certa e o São Paulo só confirmou este triste prognóstico e mais uma vez perdeu acumulando já nove derrotas e três empates nos doze clássicos disputados dentro da Arena Corinthians, nunca vencendo dentro de Itaquera.

Infelizmente tal derrota é sem maiores novidades para o torcedor tricolor, e enquanto isso o diretor de futebol Raí, resolveu atender a um compromisso de sua fundação Gol de Letra e estava em Paris, vendo o torneio de tênis de Roland Garros, isso mesmo: na véspera de um clássico ele estava em PARIS, mais uma vez ausente no momento que o tricolor precisava, mais uma vez algo inconcebível pra um time mal montado no começo de 2019 e que sofre os efeitos de um péssimo planejamento, afinal será que jogadores bizarros como Igor Vinícius vão resolver um problema que se arrasta a tanto tempo.

O São Paulo conseguiu dar pouquíssimos chutes a gol no jogo e foi um time medroso e fracassado em campo, aceitando facilmente o domínio de adversário, um time sem o menor lampejo de atitude e de personalidade. Um time que entra com um trauma muito grande, como se o simples fato de disputar um clássico fosse certeza de derrota, falta além de um presidente e diretor de futebol decentes, jogadores que queiram vencer no time. O que Reinaldo, Everton tem em pretensão de ganhar? absolutamente nada e além de tudo nem raça possuem.

O que o evento da fundação Gol de Letra tem de tão importante? absolutamente nada; mais importante para Raí seria estar ao lado do time numa hora decisiva como é a disputa de um clássico, mas será mesmo que o diretor de futebol se importa com seu planejamento amador para a temporada? o São Paulo desaprendeu a jogar os clássicos e enquanto os nossos adversários entram em cada dividida, como o Corinthians entrou, o São Paulo perdeu todas as bolas possíveis.

O São Paulo tem tido semanas inteiras pra trabalhar e não consegue ter tido um padrão de jogo, mesmo com Cuca em início de trabalho, o técnico tricolor tem uma semana pra preparar a equipe mas não consegue nunca incomodar o seu adversário sendo um time absolutamente previsível em campo. Discordo de quem acha que Mancini fez um melhor trabalho que Cuca até porque não houve um tempo necessário pra se julgar o trabalho do treinador, Cuca está perdido sim mas é pela falta de elenco e por terem jogadores que não capazes de se condicionar e pela falta absoluta de tempo pra se trabalhar.

O técnico tricolor não tem elenco, fruto das inúmeras confusões na montagem do time deste ano e é um problema recorrente, o resultado de uma série de equívocos que interferem profundamente no psicológico da equipe, fruto de um planejamento que é feito sempre com o carro andando, fruto das improvisações da administração Leco. Será fundamental a parada da Copa América para o time de Cuca treinar e adquirir uma cara, um padrão e acima de tudo adquirir um condicionamento. O São Paulo precisa iniciar um ponto de partida nesta parada mesmo que seja difícil para a maioria da torcida entender isso, testar nomes, condicionar outros, já que o trabalho de Cuca mal começou de verdade. E o trabalho psicológico deve ser intenso já que o São Paulo possui um trauma enorme de disputar clássicos, não só contra o Corinthians, mas contra todos os nossos adversários grandes.

Grande abraço a todos!

Até a semana que vem!

 

 Siga-me nas redes sociais

Twitter: @fernandocruz37

Instagram: fercione