UM NOVO TEMPO, APESAR DOS PERIGOS…

 

Boa noite nação tricolor,

 

O São Paulo começa hoje um novo tempo; após três eliminações seguidas: Paulista, Copa do Brasil e Sul-Americana; e após o time chegar à zona de rebaixamento no Brasileirão, Rogério Ceni deixou o comando do tricolor e hoje, Dorival JR foi apresentado como novo comandante do Tri Mundial. Apesar do perigo que é assumir um clube que tem trocado tanto seus treinadores, Dorival mostra saber exatamente onde pisa e isso é muito bom.

 

Depois do tri campeonato brasileiro vencido entre 2006 e 2008 sob o comando de Muricy Ramalho; o São Paulo, com a chegada de Dorival Jr, chega ao incrível número de 17 treinadores contratados… Entre esses, quem mais tempo ficou no clube foi? Muricy, entre 2013 e 2015 e o único que ganhou um título foi Ney Franco em 2012. No mais, o clube acumula fracassos de treinadores com todas as características possíveis: Vencedores no Clube (Muricy, Paulo Autuori); ídolos no campo (Doriva, Pintado, Rogério Ceni); Estrangeiros (Osorio, Bauza); Promessas em ascensão (Ricardo Gomes, Adilson Batista); apostas do clube (Sergio Baresi, Andre Jardini); técnicos experientes (Paulo Cesar Carpegiani, Emerson Leão) e o “Highlander” Milton Cruz que nesse período assumiu o time em oito oportunidades.

Dorival Jr chega ao Tricolor em um momento difícil, (após uma aposta precipitada da diretoria: Rogério Ceni, mas isso é assunto para outro post;) recebe o clube na vice lanterna do campeonato, sem nenhum padrão técnico, com jogadores saindo e outros chegando… um cenário muito difícil, mas apesar do perigo recebe uma oportunidade ímpar. Dorival recebe uma missão e uma oportunidade:

 

Missão: transformar esse elenco que é bom em um time organizado, sair da zona de rebaixamento e buscar uma vaga no G6 ou G4, esse é nosso lugar!

Oportunidade: deixar de ser um técnico conhecido como sucesso em um único clube e levar esse gigante adormecido de volta a seu lugar, entrar para a história do clube e entrar de vez para o hall dos Grandes treinadores do pais.

Dorival tem grandes chances de sucesso no São Paulo, pois recebe, eu repito: um elenco bom e que hoje é mais qualificado do que era em janeiro quando Ceni assumiu, vai montar uma comissão técnica nova sem os vícios que há tanto tempo existe na Barra Funda e muito provavelmente alguns jogadores deixarão de ter “problemas físicos” e a “preguiça” que a gente tem visto; é um treinador organizador de times, trabalha de forma simples e é exatamente isso que o São Paulo precisa hoje, após tanto tempo de insucessos e constantes mudanças de elenco e treinadores, é hora de simplificar.

“O único lugar onde resultado e sucesso vem antes do trabalho é no dicionário. ”

Portanto nós, torcedores que querem apenas o bem do clube e não tem interesses terceiros, temos obrigação de apoiar técnico e jogadores, o apoio tem que ser total e temos que deixá-los trabalhar com tranquilidade, pois se eles perderem quem perde é o São Paulo, como da mesma forma, a vitória dos que estão lá, é a vitória do São Paulo, portanto a nossa vitória.

Boa sorte Dorival, bem-vindo ao Maior do Mundo.

Guine

Siga no twitter

www.twitter.com/Guine_SPFC

Discussões e opiniões sobre futebol e sobre o Tri-Mundial.